CYRIL RAMAPHOSA NOMEIA GOVERNO DE UNIDADE NACIONAL “SEM PRECEDENTES”

O Presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, nomeou um novo gabinete no domingo à noite, depois de o seu Congresso Nacional Africano, o antigo principal partido da oposição, e nove outros partidos terem chegado a acordo sobre a composição de um governo de coligação da sétima administração da África do Sul, após semanas de negociações.
O anúncio de Ramaphosa sobre o seu novo gabinete multipartidário “sem precedentes” surge um mês depois de o ANC ter perdido o domínio político de 30 anos do país mais industrializado de África numa eleição nacional, forçando-o a procurar parceiros de coligação.
O partido de Ramaphosa manteve a maior fatia dos cargos ministeriais, já que nomeou funcionários do ANC para 20 dos 32 cargos de ministro da nova coalizão.
O líder da AD, Steenhuisen, foi nomeado ministro da Agricultura, enquanto Ramaphosa também trouxe os líderes de outros quatro partidos políticos para o seu gabinete como novos ministros.
“Tivemos de garantir que todos os partidos possam participar significativamente no executivo nacional”, disse Ramaphosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *